Quem Sou
peça_01_720

Meu nome é Patricia Tozatti, conhecida como Pati Tozatti, tenho 24 anos, sou Engenheira de Alimentos e divido minha vida com o esporte há alguns bons anos já.

Sempre fui incentivada, seja na escola ou em casa, a praticar esportes dos mais variados e diversos tipos – futsal, futebol, handball, volleyball, tênis, entre outros. Assim como tinha uma paixão por andar de bike – a famosa Caloi Cross.

Em 2005, além de tudo isso, comecei a frequentar academia (musculação com orientação) para melhorar meu condicionamento, assim como aulas de Spinning.

Evoluindo de apenas aquecimentos de “15 minutinhos” antes da musculação, e/ou caminhadas de 1 hora com meus pais, e conhecendo alguns grandes inspiradores do esporte, em 2011 comecei a me interessar e procurar conhecer mais sobre a “Corrida de Rua”.

Correr uma meia maratona ou competir no triathlon era totalmente fora do meu script – achava que era preciso dedicação única e intensa para isso – quem dirá sonhar com uma prova de Ironman. Aos poucos, fui me adaptando, lendo sobre e entendendo minhas necessidades, mantendo metas e foco para cada novo passo.

Começo de 2013 fiz minha primeira prova de 10km, nevava muito (Canadá way of life), e era St Patrick’s Day. E depois vieram mais algumas provas curtas (5 e 10km) até a decisão: correr a Meia Maratona das Cataratas, em Foz do Iguaçu, em 2014.

E essa sensação viciante que a corrida me traz foi me abraçando cada dia mais e mais, tornou-se uma paixão, uma terapia, um momento único em que posso estar em contato com o Meu mundo, Minha música, e Meu corpo. Em 2014, por incentivo de grandes amigos, procurei ajuda de uma Assessoria Esportiva (TSK), para que começasse a traçar um plano de correr a minha Primeira Meia Maratona.

Venci algumas dores no joelho, busquei auxílio e orientação médica, procurei o tênis que melhor se adaptou ao meu tipo de passada… e FUUUUI!

Como resultado emoção a flor da pele durante a prova e sendo abençoada e surpreendida com um pódio, 3° lugar na minha categoria (20­ a 24 anos), resultado que deu ainda mais gás aos treinos. Em outubro, subi e desci os paralelepípedos do famoso parque de Vila Velha, na etapa de Ponta Grossa do Circuito de Meia Maratona do Paraná. Nesse, um novo pódio, ficando em segunda colocação na minha categoria 20­ a 24 anos.

Em dezembro, fechando o ano, veio a etapa de meia maratona em Guarapuava, minha cidade, tinha de fazer bonito! Garanti meu 1° lugar na categoria e 4° lugar geral feminino. Com isso, recebi o prêmio de 1° lugar geral do circuito de Meias Maratonas do Paraná na categoria 20­ a 24 anos.

Por (boa) influência dos amigos da assessoria no final de 2014 começou minha preparação psicológica para experimentar o Triathlon, esporte desafiador que reúne as três modalidades ­ Natação, ciclismo e corrida. Primeiro veio a corrida, depois a bike e, por fim, a natação.

A máquina se tornou o corpo, o combustível o oxigênio e a sede é por superação. Desde então os treinos foram intensificados para as competições que começaram em Abril/2015. O desafio maior seria fazer um IM 70.3 até o final do presente ano, contudo, uma nova etapa se iniciou no mês de Agosto: mudança para o Canadá. A vontade e a busca por mais esse sonho a ser realizado continuar, 2016 que me aguarde, treinando agora nas terras geladas do Canadá!

Por ser atleta amadora, não é tarefa fácil dividir sua vida pessoal, profissional e treinamentos, mas a maior motivação é a linha de chegada: faz tudo valer a pena!

É preciso, foco, determinação e MOVIMENTO, para que a SUPERAÇÃO seja alcançada.
Espero poder compartilhar aqui no blog minha rotina de treinos, conciliação com trabalho, barreiras, limites e… superação!!!

Sintam-se em casa, a vontade para contatar, mandar mensagem, dicas, tudo! Muito obrigada!