Hemelswater: Sem chuva, Sem cerveja
Dicas |  16 de abril de 2017
Hemelswater2

Sempre me impressiono com projetos “amigos do meio ambiente” ou que reutilizem resíduos, o que seria disperdício – meus projetos de Iniciação Científica foram nesse sentido, inclusive. Chama ainda mais atenção se é um projeto legal envolvendo cerveja, né? Um amorzinho que bate forte no meu peito hahaha. Pois é meus amigos, a notícia não é tão nova, mas achei interessante: um projeto holandês para fabricação de cerveja utilizando a água da chuva.

beer-rain1

Praticamente um sonho: uma cerveja que (por um detalhe) quase cai do céu! hahaha Como diz a figura “feita no paraíso”. Brincadeiras a parte, a Holanda tem um período de chuvas bem acentuado e o governo possui programas de incentivo ao aproveitamento dessa água. Com essa “desculpa” um grupo de empresários viu uma oportunidade para fazer negócio e, o melhor, cerveja. O nome da cerveja? Hemelswater – água da chuva em holandês.

O lançamento (em 2016) foi na cervejaria De Prael, em Amsterdã, em que amantes de cerveja compareceram para uma degustação gratuita de Hemelswater: code blond (inspirada nas cores dos avisos meteorológicos holandeses), abv 5,7%,  produzida com água de chuva ultrafiltrada, cevada e trigo orgânicos, lúpulo e levedura. Sengundo o co-fundador Hoebe, a Hemelswater é uma blond amarga, como uma IPA, frutada e suave.

Como foi feito o projeto: Hoebe, juntamente com um grupo de quatro estudantes e um pesquisador da iniciativa de desenvolvimento de inicialização Medialab Amsterdã, configurou dois tanques enormes nos terrenos da Universidade de Amesterdã de Ciências Aplicadas. Além disso, a cervejaria Prael, no centro de Amsterdã, concordou em ser parceira nesse projeto.

Em apenas dois finais de semana de chuva forte a equipe conseguiu empurrar 1.000 litros de água da chuva para a cervejaria Prael. A água é tratada com um sistema de filtração bacteriana (que não foi muito bem especificado pelos sites em que procurei) e processo de fervura (também não passaram muita informação sobre como é feito) e, então, a água é utilizada para produção da cerveja. Com certeza eles devem fazer testes físico-químicos e microbiológicos periódicos seguindo a legislação, né? Ao menos espera-se haha.

 

hemelswater

A bebida é vendida por cerca de € 2 (R$ 6,50) a garrafa e pode ser comprada em tap nos restaurantes e bares da capital holandesa. (por cerca de € 4,00). No site Rate Beer, ela está classificada com nota 2.9 em uma escala de 5.0. Não custa experimentar caso viajar por Amsterdã, né?

Um vídeo que, mesmo em holandês, mostra um pouquinho do processo e a cervejaria em que ela é produzida.

Será que a moda vai pegar?

 

 

Fontes:

http://www.hemelswater.com/

https://amsterdamsmartcity.com/projects/hemelswater

https://www.theguardian.com/sustainable-business/2016/jul/10/rainwater-beer-amsterdam-hemelswater-rainfall-climate-change-de-prael-brewery

Gostou? Compartilha!
Facebook
Twitter
Comente

Deixe seu Comentário!

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *